Amplificação da Procura

Inicialmente estudado por J. Forrester do MIT, nos anos 50, traduz um fenómeno presente em muitas cadeias de valor: o processo fornecedor recebe instruções de produção ou entrega com variação crescente face à procura efectiva do processo cliente. Este efeito é amplificado à medida que se vai percorrendo a cadeia de jusante para montante e deve-se a dois factores principais: o número de pontos de decisão ao longo da cadeia e o tempo perdido na decisão entre cada ponto. A consequência inevitável deste fenómeno, por vezes numa dimensão impressionante, é o aumento de stocks ao longo da cadeia, com o consequente alongamento do lead time. Este efeito é mais evidente em cadeias de valor que usam um planeamento tradicional baseado em sistemas centralizados de tipo ERP/MRP. A sua eliminação passa pela implementação de sistemas de planeamento Pull Flow.

©2020 Actio Lean Consulting.